Saturday, July 29, 2006


melhor equipe de todos os tempo; realmente o começo de tudo não tive a pretensão de fazer parte dessa história, mas talvez o destino assim quisesse.
Sensei-OSHTI-Técnico da equipe campeão de kumite e kata
Sensei-YAHARA- campeão-mundial de kata e kumite
Sensei-MENSAHIKO TANAKA-bi-campeão-mundial de kumite
Sensei-OSAKA-penta campeão de kata
tenho orgulho do karate TRADICIONAL
OSSS!!!!!


campeonato universitario japones(JP)
Universidade Kokushican-daigaku-karate dobu
campeão unversitário japonês 1985 Tokyo-jp


algumas mudanças são necessárias, mais é não fácil, voce precisa ser humilde, forte de espírito e principalmente compreensivo com a vida; imagina voce começar uma nova arte, nova filosofia, novo caminho, adquirir respeito, e por fim fazer grandes e novas amizades. Geralmente as disciplinas são semelhantes, mas os professores sempre tem idéias diferentes a respeito da sua arte, não importando sua origem.
ROBSON MACIEL VICE- CAMPEÃO PAULISTA NA FAIXA MARROM
REPRESENTANTE DA GLORIOSA MACACO GOLD TEAM

Monday, July 24, 2006


campeonato paulista Robson campeão paulista de kata 1980. Uma vez campeão, dizia meu sensei, é normal se voce treinou para isso! Mais varias vezes campeão então é o dominio da arte e harmonia do espirito. O importante é voce se aperfeiçoar para lutar, e nao lutar para se aperfeiçoar.
campeonato paulista 1980 lembu-kan campeão por equipe kumite(luta) a vitória por equipe você nunca esquece,pois acima de tudo voce vem sempre em segundo lugar, pois a prioridade e sempre a equipe.

Saturday, July 22, 2006

O inicio da minha carreira
O primeiro título de vice-campeão paulista Shiai Kumite, foi conquistado em 1971, antes da fundação da Federaçao Paulista de Karatê, nesta época era comandada pela Federacao Paulista de Boxe. A primeira convocação foi em 1973, para o campeonato Brasileiro realizado no Rio de Janeiro. Com então 18 anos de idade e 55 quilos, Robson pegou o 3º lugar em Shiai Kumite(luta). Em 1979, era convocado pela primeira vez para integrar a Seleção Brasileira, após eliminatória realizada em Petrópolis-RJ, quando venceu o vice-campeão Pan-americano Djalma Caribe no incrível torneio dos Grandes do karatê, torneio realizado pelo saudoso Mestre Lirton Monassa.
A estreia internacional aconteceu no Sul-americano na Argentina, em 1981, quando sagrou-se vice-campeão de kata e shiai kumite. Ser competidor é bom, pois aprimora seu espirito; não o espirito destruidor. E ter na consciencia o próprio valor sem precisar provar nada aos outros.

Thursday, July 20, 2006

torneio campeões dos campeões; Robson colocando um potente KISAME-MAWASHIGUERI arbitrado pelo campeão do mundo IDEO YAMAMOTO, as vezes nem toda vitória te realiza, mas a certeza de você ter cumprido seu dever a cada combate, e a recompensa de devolver a seu MESTRE toda dedicação que ele fez por voce, isto é BUDO!!!!!
exame para segundo grau da THE JAPAN KARATE ASSOCIATION(N.K.K) ministrado pelo professor OISHI TRI-CAMPEÃO MUNDIAL e pelo professor TAKETO OKUDA CAMPEAO JAPONES(ALL JAPAN)1978.
ROBSON DESFERINDO UM POTENTE KISAME-ZUQUI.
"Certas coisas nunca mundam, principalmente no mundo da luta, imagine você em certa ocasião saimos de São Paulo, numa sexta feira a noite, para lutar em Belo Horizonte(bh), no sabado as oito horas da manhã; pensei isto é acidental, pois era uma situação inusitada. Mal eu sabia que um dia mais tarde eu sairia do Brasil numa sexta feira a tarde, para lutar no CAIRO (EGITO) na terça de manhã. O mais engraçado de tudo isso, foi a grande surpresa: além de não termos uniforme para o desfile das delegações, ficamos sabendo que o Brasil não tinha pago a taxa correspondente a inscrição anual de participação para competições internacionais.
Graças a convivencia de nossos professores japoneses e intercabio Brasil X Japão, o professor NICHIAMA, pagou do seu bolso para a equipe brasileira competir, pois ele conhecia o Brasil e era amigo de nosssos professores. Ficamos sabendo tudo isso na hora do congresso tecnico onde a equipe de Isrrael retirou-se do campeonato por causa da equipe da Palestina."
imagina!!! voce é menor e mais frágil; mas você tem que vencer, pelo menos empatar, nao pode perder!!!ou sua equipe se desclassificará, qual melhor estrategia, quando voce perfila e fica frente a frente com o seu advesario?

Sunday, July 16, 2006


contra o maior, a sua confiança é o que vale. 1980
observe sempre atento seu adversário, dentro de um distancia segura. 1980

procure trazer seu adversário para seu campo de batalha, porque embora ele seja maior, você e quem manda no combate. 1980

Saturday, July 15, 2006

quando menino...

"Quando menino eu me perguntava, o que fazer quando provocado pelo mais forte? Meu pai
me dizia, "você tem que aprender a esperar até você crescer". Mas essa palavra esperar é muito dificil até para os mais velhos; como se aprende a esperar pelas respostas, ou pelo caminho que voce irá percorrer na sua vida. Então cresci e começei a treinar karate com onze anos. Mas como sempre na vida algumas coisas são constantes, e nos treinos eu me deparei também com o mais forte, e no mesmo dia perguntei ao meu Sensei, o que eu devo fazer nessa situaçao? Sempre haverá um adversário no decorrer da sua vida, porque a vida é uma competição; ai de novo, você tem que esperar, amadurecer e crescer espiritualmente; e como se espera? Você tem que tentar se desprender de tudo e de si mesmo, deixando para trás tudo o que tem no seu interior e tudo que você tem no seu presente, de maneira que nada sobrará, a não ser a tensão sem nenhuma intenção. Como eu sempre fui mais leve, eu sabia que teria que entender essas palavras, pois na época nao havia categoria de peso, se eu quisesse ser campeão então essas palavras carregaria para toda minha vida. E foi assim a vida toda."

Thursday, July 13, 2006

imagina,derrepente você nao tem tempo de desviar,então o golpe passa raspando sua orelha, antigamente essa situação era normal,os golpes eram para encachar,a busca do verdadeiro ipon!! 1977
as vezes seu oponente e mais forte,mas a determinação e a confiança e 0 que conta. 1979
equipe paulista integrantes professores Sassaki, Robson, D'elhia, Isokichi Okuyama e
Enio Vezzuli
Campeonato Nacional de Karate 1976
campeonato paulista academia lembu-kan campeao paulista por equipe kata - 1983
campeonato paulista; um maegueri-oizuki(ipon) - 1980